Festival de Artes integradas

Slim Rimografia

Para o Alambique do “Rock”, um dos melhores shows de Hip-Hip que já vi. Slim Rimografia, com a habilidade vocal (um dos melhores beats vocais que tive a oportunidade de presenciar), performática e principalmente, improvisatória (entre Michael Jackson, Britney Spears e improvisos sobre Barbacena, o coletivo e Rap) desde o início, até a saideira, não vi ninguém parado. Slim proporcionou, nesse momento, o show mais dançante, se assim se diz, do Alambique do Som.

O que se esperar do Hip-Hop, Slim transmite. O hip-hop, pra “leiga maioria” ainda carrega a imagem do rap marginal, e hoje, a nova tendência do rap hip-hop abusa da excelência técnica e cultural. Slim é, portanto, um dos maiores ícones dessa levada.
Com apenas um notebook e samplers, o palco é, sem dúvida, pequeno pra tanto talento.

Texto: Dihleeall e Iago Rezende

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s